Abstract

Descarregadores de minério são equipamentos com estruturas de aço de grandes dimensões, submetidos a ações operacionais cíclicas e a forças impulsivas. Além das ações operacionais, a ação do vento deve ser considerada como uma das cargas variáveis principais nesse tipo de estrutura, considerando que o descarregador deve não apenas operar em condições seguras quanto à estabilidade estrutural, às tensões e deslocamentos induzidos, mas também estar apto a permanecer estacionado e imobilizado sobre o píer durante a ocorrência dos ventos mais desfavoráveis. O presente artigo apresenta a descrição de um acidente ocorrido no ano de 2003 com um descarregador de minério no Porto de Sepetiba, no estado do Rio de Janeiro, provocado pela ação do vento, levando à perda completa do equipamento, cuja massa total é de aproximadamente 1200 t. De modo a descrever tecnicamente a ação do vento, as forças aerodinâmicas foram calculadas com base teórica e, adicionalmente, foram realizados ensaios experimentais em túnel de vento considerando os dados do vento registrados no momento do acidente. O sistema hidráulico dos freios foi igualmente analisado, permitindo a comparação entre as forças de frenagem mobilizadas pelo equipamento e as forças de arrasto provocadas pelo vento. Os resultados obtidos foram utilizados para a identificação das causas do acidente, servindo, ainda, para auxiliar na tomada de decisões por parte das autoridades responsáveis pela operação do terminal de minérios de Sepetiba, com o objetivo de evitar a repetição desse tipo de acidente no futuro.

Full document

The PDF file did not load properly or your web browser does not support viewing PDF files. Download directly to your device: Download PDF document
Back to Top

Document information

Published on 01/07/05
Accepted on 01/07/05
Submitted on 01/07/05

Volume 5, Issue 2, 2005
Licence: CC BY-NC-SA license

Document Score

0

Views 0
Recommendations 0

Share this document

claim authorship

Are you one of the authors of this document?